terça-feira, 12 de abril de 2011

Nova técnica de sementeira

Depois do insucesso das sementeiras em covetes, tive a necessidade de "inventar" uma técnica que garantisse um maior sucesso.

A sementeira em covetes teve um sucesso que variou entre 0 e 100% de acordo com a espécie. Na generalidade o sucesso rondou os 25%, o que é muito baixo, mas é sobretudo um enorme desperdício de sementes.

Esta falta de sucesso deveu-se sobretudo ao facto de não ter conseguido manter a humidade e temperatura aceitáveis para a geminação dessas sementes, o calor secava demasiadamente depressa as pequenas covetes impedindo as sementes de germinar e mesmo as que germinavam não encontravam as condições ideais para crescer e acabavam por definhar, secar e morrer.

A técnica "inventada" por mim surgiu precisamente desta necessidade de manter a humidade e temperatura constantes e óptimas na altura critica da germinação. 

Com fiz?

Peguei em caixas de plástico transparente usadas e bem limpas, coloquei papel higiénico no fundo, borrifei sem encharcar, por último coloquei as sementes em contacto com o papel húmido tapando-a de seguida e colocando-a em local iluminado mas longe do sol directo.

Passados 7 dias o sucesso é visível:



Nesta imagem consegue ver-se uma floresta de manjericão. Se o sucesso nas covetes foi de 3 para 10, com esta técnica chegou aos 100%. 

No canto inferior direito da imagem, conseguem-se perceber que as sementes de duas espécies de alface ainda não começaram a germinar, isto porque cada espécie tem o seu tempo de germinação, neste aspecto o manjericão é campeão.

Mas ainda não deitem foguetes antes da festa. Claro que as plantas não podem crescer neste espaço para sempre, é pois preciso transplantá-las, é aqui que entram as covetes. Hoje transpnatei algumas plantas de manjericão, daqui a 1 semana veremos como se estão a dar.

 

11 comentários:

  1. Boas.
    O seu blog é muito interessante. Estou a fazer algumas experiências no meu quintal e tenho tido algumas dificuldades em germinar mangericão. Vou aproveitar as suas ideias.
    Obrigado e boas colheitas.

    ResponderEliminar
  2. Gostei de encontrar este blog. Acho óptimo poder aprender com que também está a tentar.
    Eu em vez das covetes de plástico optei por reciclar as caixas de ovos (as de cartão) que coloco dentro de caixas de plástico. Ainda só usei para os tomates cereja (comecei esta aventura na semana passada) e estão a dar-se bem.
    Claro que uso para pequenas quantidades, uma vez que só tenho uma pequena varanda :)

    ResponderEliminar
  3. Para além de ser uma excelente forma de reaproveitar as embalagens de ovos é optima ideia.

    ResponderEliminar
  4. Boas.
    O mangericão tem realmente uma taxa de sucesso muito grande usando o tupperware, experimentei e resultou. Passar para a terra foi mais complicado pela delicadeza da operação mas no geral fiquei satisfeito. A seguir vou germinar algo mais difícil: coentros.
    Abraço
    JP

    ResponderEliminar
  5. Boas
    Gostava de saber onde comprar este doseador de sementes para covetes
    http://www.planfor.fr/comprar,semeador-manual,M209,PO
    Se alguem souber
    Grato

    ResponderEliminar
  6. Boas.

    Arranjo-lhe esse material. Se estiver interessado mando vir de frança. Disponha fafcosta@gmail.com

    Fc

    ResponderEliminar
  7. boas se conhecem o agriloja la vendem

    ResponderEliminar
  8. Essa técnica é realmente muito eficiente, usei p/ germinar verbenas, até então viva semeando e nunca dava certo. Perdi muitas sementes, agora com essa técnica a germinação foi supreendentemente quase 100%.

    ResponderEliminar
  9. usei a mesma tecnica e nao germinou nenhuma semente. e olha que eu ficava controlando tudo certinho

    ResponderEliminar